Sem Desperdício!: 2017, o ano que tem “cheiro de esperança”!

2017, o ano que tem “cheiro de esperança”!


Ao longo de sua história, a perfumaria sempre refletiu hábitos e costumes da sociedade – e, muitas vezes, seus clássicos trouxeram consigo a simbologia de desejos e mudanças. Foi assim em 1948, por exemplo, quando a fragrância L´Air du Temps, de Nina Ricci, trazia a mensagem de esperança dos pós-guerra com duas pombas entrelaçadas em sua embalagem.

“Depois da Grande Crise, em 1929, foi criado o perfume mais caro do mundo, o Joy, de Jean Patou, esbanjando opulência e convidando o mundo a sair da recessão. Era o luxo em contraponto ao período difícil – um cheiro anticrise”, explica o expert em perfumaria de O Boticário, Cesar Veiga.

Da mesma forma, diz o especialista, em cheiro para 2017 precisa trazer esperança e a mensagem do recomeço. “Agora, no entanto, essa esperança chega menos opulenta e agressiva. É um cheiro mais fluido, que sugere as pessoas: respire, levante a cabeça e tome um ar para seguir. Sem de deixar de ser marcante. 2017 tem o cheiro da esperança com o toque do luxo acessível”, diz Veiga.

Tradução olfativa

Essa tendência se traduz, por exemplo, nos florais verdes – é o caso do eau de parfum My Lily, recém lançado pelo Boticário. Ele traz uma fragrância moderna, bastante inovadora para o mercado brasileiro – que ainda explora pouco os florais verdes.

My Lily combina o frescor das notas verdes com a sofisticação do lírio. Seu toque especial está nas notas de flor de Narciso, variedade que cresce espontaneamente nos campos do Sul da França. Em algumas culturas, a flor é símbolo de renascimento, de novos começos – por marcar justamente o início da primavera. Há também que associe a flor à sorte e prosperidade.

Comentários do facebook
1 Comentários do Blogger

Um comentário:

  1. Amooo o my lily!! Amei o post.
    Beijinhoos. ❤
    www.amordeluaazul.com.br

    ResponderExcluir

E aí você curtiu o post? Dê sua opinião!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *