Sem Desperdício!: Artigo: Doença celíaca e a sensibilidade ao glúten

Artigo: Doença celíaca e a sensibilidade ao glúten


O glúten é uma proteína presente naturalmente no trigo, centeio, cevada e malta, além da aveia, que não contém glúten, mas é contaminada durante seu processo produtivo. Já existem marcas importadas de aveia sem glúten.

Algumas pessoas podem desenvolver uma doença genética, chamada doença celíaca, uma doença inflamatória e autoimune em que a presença de glúten no organismo desencadeia uma resposta exagerada do sistema imunológico, que ataca e agride a mucosa intestinal, prejudicando a absorção de nutrientes.

Esse efeito constante pode acarretar diversos problemas de saúde, como perda de peso, dores abdominais, anemia, diarreia, vômito, falta de apetite, prejuízos de crescimento (em casos de crianças), distensão abdominal, e até osteoporose e osteopenia, a longo prazo caso a doença não seja diagnostica.

É mais comum em crianças, mas pode atingir qualquer pessoa, independentemente da idade, e o diagnóstico é feito a partir de exames sanguíneos e biopsia do intestino. O único tratamento para a doença celíaca é a exclusão total do glúten na dieta, e qualquer traço pode desencadear os sintomas com gravidade. Os produtos que contenham glúten (ou traços) em sua composição devem declarar no rótulo com os dizerem “Contém glúten”.

Pessoas que apresentam os mesmos sintomas da doença celíaca, mas não possuem os marcadores bioquímicos, ou seja, os exames não demostram alterações compatíveis com a doença, podem ser diagnosticados com intolerância ao glúten não celíaca, se beneficiando de uma dieta isenta dessa proteína.

É preciso estar atento aos sinais que o corpo envia, e caso suspeite de algum desconforto relacionado ao consumo de glúten, é importante consultar um médico para receber o correto diagnóstico.

Vale ressaltar que dietas sem glúten não são indicadas para perda de peso, devendo adotar outras estratégias, caso esse seja seu objetivo. Por isso, consulte um nutricionista.


Para encontrar alimentos sem glúten, clique aqui.



Comentários do Facebook
0 Comentários do Blogger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E aí você curtiu o post? Dê sua opinião!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *